fbpx
img_am_antenor_mazzuia_pilates_01

Importância da atividade física para a coluna

Postado em 20 de julho de 2016

A gente ouve falar que quem pratica atividade física leva uma vida mais saudável, adoece menos, tem menores chances de ter problemas sérios de saúde. E isso é verdade quando se fala em saúde das suas costas também.

Diversos estudos realizados no mundo todo nos últimos anos mostraram que o exercício físico é eficaz na prevenção da dor lombar e na melhora das limitações funcionais. Podem ser praticados por todas as idades, sob a orientação de profissional competente.

Por exemplo: em 2010 saiu um estudo japonês que concluiu que a prática de atividade física em casa orientada por ortopedista foi mais eficaz para prevenir a dor lombar do que anti-inflamatórios! É isso mesmo: exercício foi melhor do que remédio! Ainda em 2010 a revista Spine publicou que um programa de educação dos pacientes associado a fisioterapia orientada foi responsável pela melhora das limitações, dor e qualidade de vida do grupo estudado.

Sabemos que há um grande leque de opções quando se fala em tratamento da dor lombar. Mas segundo estudo publicado em 2007 nos “Annals of Internal Medicine”, terapia cognitivo comportamental, exercício, fisioterapia, reabilitação multidisciplinar, e bolsa quente local foram os aspectos que mais mostraram eficácia no combate à dor lombar. Mais uma vez olha lá o exercício e a fisioterapia!

 

img_am_antenor_mazzuia_yoga_01

 

Yoga pode ser uma boa alternativa para melhora da dor nas costas, pois trabalha fortalecimento e alongamento corporal. Uma aula de alongamento supervisionada pode ser melhor ainda, segundo os “Annals of Internal Medicine” em 2011 publicou.

Mas o campeão de bons resultados é o Pilates. Oportunamente falaremos desse método que alia flexibilidade, movimento, balanço, força. Pilates trabalha equilibradamente a força e a flexibilidade, o tônus muscular e a mobilidade. Talvez seja esse o segredo.

 

img_am_antenor_mazzuia_pilates_03

 

Importante salientar que a prática de atividade física sem orientação pode ser danosa. É indispensável a avaliação médica antes de se aventurar a praticar exercícios. E também a supervisão do seu fisioterapeuta ou educador físico para orientar o jeito correto de se exercitar e não causar mais lesões.

Agora que você já está convencido de que tomar remédios e ficar de cama não vai resolver suas dores, é hora de agir! Primeiro passo é uma consulta com seu médico de confiança e uma avaliação física bem feita com um profissional competente. Depois é só alegria!

Dr. Antenor Mazzuia

Médico Ortopedista especialista em tratamento da Coluna (CRMSP: 143598 - RQE: 58117 - TEOT: 13794). Atua nas áreas clínica e cirúrgica, bloqueio da dor, cirurgia minimamente invasiva e por vídeo da coluna. Especialização pela PUCCAMP, fez Fellowship em cirurgia da coluna no Queen's Medical Centre (Nottingham, Inglaterra) e curso em cirurgia endoscópica da coluna lombar pelo American Institute of Telesurgery.